Testando conhecimento: experiência como treineiro ajuda a aliviar tensão no vestibular


Prestar o vestibular mesmo antes de terminar o Ensino Médio como treineiro garante experiência aos alunos. É uma oportunidade para avaliar os conhecimentos, descobrir as principais dificuldades e aprender a administrar o tempo.

Embora seja um caminho longo para conquistar a almejada vaga, é possível minimizar o estresse. Ter familiaridade com o processo seletivo é um aliado importante nessa trajetória da tão almejada vaga.  Oferecidas pelas principais universidades do Brasil, o processo possibilita que o futuro candidato conheça o estilo da prova. 

O Colégio incentiva seus estudantes a vivenciarem a experiência e oferece os mais variados recursos para que se mantenham atualizados e em constante preparação. “A principal orientação é fazer a prova como se fosse para valer. Tem de ser uma experiência plena, para que possam aproveitar os pontos positivos”, afirma a professora Vera Lúcia da Costa Antunes.

Os alunos do Colégio Objetivo que passaram pela experiência tiveram um excelente desempenho.   Confira os depoimentos dos treineiros aprovados:

João Paulo Barbosa – 1º lugar Biológicas
“Essa experiência me deixa mais preparado para o vestibular. Pude conhecer o estilo da prova e aprender como administrar o meu tempo. Identifiquei quais as áreas eu tinha mais dificuldade e agora posso focar meus estudos.”

Matheus Stephanini Mariano – Treineiro Humanas
“Foi uma experiência construtiva porque para prestar uma prova do porte da Fuvest é fundamental estar preparado, então esse treinamento é essencial. Tentei maximizar o meu tempo, fiquei feliz com o meu resultado.”

Felipe Toshio Kimiamoto – Treineiro Exatas
“Foi muito bom ver meu nome na lista dos aprovados. Eu prestei no primeiro ano também, então já tinha uma ideia de como era a prova, mas, mesmo assim, foi bom para calcular melhor o tempo e conhecer as minhas limitações.”